19 de janeiro de 2016

Resoluções para 2016




Sim, resolvi ressusitar esse blog.

Ano passado eu deixei de fazer muitas coisas que eu gostava por causa de trabalho e faculdade, mas em 2016 eu resolvi voltar a fazer o que eu gostava e blogar é uma delas.

Sim, estamos quase no dia 20 de janeiro e só agora eu resolvi fazer minhas resoluções para esse ano que eu sei que não vai ter nada de especial, mas sonhar nunca é demais.

1. Ler 40 livros.
Ano passado eu fui uma negação no quesito leitura, mas pretendo mudar isso esse ano. Esse ano quero ler livros que se tornem meus favoritos, especiais, que me toquem de alguma forma.

2. Assistir 30 filmes.
Quem me conhece um pouco sabe que quando o papo é filmes, eu sou uma negação. Mas ano passado eu comecei um projeto de ver mais filmes e espero que esse ano eu consiga a manter uma boa média.

3. Aprender um novo idioma.
Em 2015 eu conheci o mundo do kpop e com ele eu descobri a cultura coreana. Admito que muita coisa me incomoda, mas algo que me deixou curiosa é o idioma deles: o coreano. Admito que essa curiosidade veio da minha falta de paciência de esperar legendas em inglês e/ou português para saber o que está acontecendo.
Não sei se vou levar essa vontade de aprender coreano muito pra frente, mas pretendo aprender o hangul, pelo menos.

4. Gastar menos.
Quero ser mais econômica esse ano, comprar menos livros, roupas e tudo aquilo que eu sei que cinco minutos depois eu vou me arrepender. Espero conseguir!!

5. Voltar a blogar.
Escrevendo esse texto eu percebi o quanto eu sentia falta disso. Quero voltar a escrever e não me importo nem um pouco se vai ter comentários ou não. Quero voltar a fazer resenhas dos livros que leio, dos filmes que vejo, ou só escrever besteiras do meu dia a dia.

6. Criar mais conteúdo pro Youtube.
Eu amo o youtube e sempre que posso estou criando conteúdo. Já fiz vídeos sobre livros, vídeos sobre o wreck this journal e até fiz o projeto document your life. Dessa vez estou totalmente apaixonada pelo mundo dos fmv (fan made video) e com a minha entrada no mundo do kpop, fazer esse tipo de vídeo virou um vício. 

7. Sair da minha zona de conforto.
Eu não sei exatamente como farei isso, mas acho que chegou a hora de sair dessa minha bolha que chamo de vida. Talvez eu mude de emprego e busque uma profissão que não é da minha área ou eu ajude minha mãe com os negócios da família. Ainda não sei direito, só sei que preciso de mais desafios.

Espero completar nem que seja 17% dessa lista. E que 2016 seja um ano maravilhoso para todos nós, é clichê, mas é do fundo do coração <3

7 de setembro de 2015

AN ALBUM A WEEK: MELANIE MARTINEZ #006


An Album a Week é um projeto criado pela Midria, do blog Garotas de Mustache. Quer saber mais sobre o projeto? Entre na página e no grupo do projeto.

Depois de muito tempo sem ouvir nada novo (culpe o kpop por isso), hoje vou falar sobre um álbum lindo, melancólico, refrescante e repleto de coisas que eu precisava. <3

O álbum da semana é o Cry Baby da linda Melanie Martinez. Talvez você já tenha ouvido falar dela por causa desse cover. Ela participou da terceira temporada do The Voice americano e fez parte do team Adam.

Ela era uma das minhas favoritas, mas, infelizmente, foi eliminada pelo voto popular, junto com a Amanda Brown (minha outra favorita). Depois do programa, a Melanie começou a trabalhar de forma independente e em Agosto desse ano ela lançou o seu primeiro álbum.

De cara a Melanie já chama atenção pelo seu visual. Eu adoro o cabelo bicolor dela e os dentinhos da frente separados <3 Eu também tenho os meus assim e super me identifico hahah Mas o que eu mais adoro na senhorita Martinez é a sua voz <3

CARA, CARA E CARA, QUE VOZ! Ela tem aquele tipo de voz fofinho, marcante e meio deprimente que eu gosto tanto. A voz dela é perfeita para aqueles dias cinzas ou para aqueles momentos hipsters de tumblr ou emo gótico suave.

O álbum Cry Baby mostra que não existe idade para sofrer, ficar triste ou mandar todo mundo para a puta que pariu, mas que na adolescência/começo da vida adulta as merdas parecem pior e nada faz muito sentido (o que é muita verdade, pois estou vivendo exatamente isso nesse momento).

O álbum da Melanie é melancólico, experimental, reflexivo, triste, te faz refletir, entre outras milhares de coisas. Para mim esse álbum refletiu ainda mais meu lado emo/gótico, me deixou um pouco melancólica (mas de uma forma legal) e me fez perceber a merda de vida que estou vivendo.

Realmente não sei se essa resenha vai te estimular ou não a ouvir o álbum, mas se você curte uma vibe diva depressiva, tenho quase certeza que você vai curtir CVry Baby.

O álbum tem 16 faixas e para mim num piscar de olhos o álbum já acabou. Pra mim não existiu aquela sensação de estar escutando a mesma música há horas, cada música tem o seu espaço, mas ao mesmo tempo parece que elas se completam.

Estou ouvindo MUITO esse álbum, na verdade estou viciada nele! Espero que a carreira da Melanie seja longa e cheia de momentos criativos <3

Cry Baby (2015)
Nota: 9
Minhas músicas favoritas: Cry Baby, Sippy Cup, Carousel e Soap.

31 de agosto de 2015

My drawing process


Não sei se muitos sabem, mas no final de 2013 eu acabei descobrindo uma nova paixão: o desenho.

Essa nova paixão veio a tona quando eu comprei o livro Destrua este Diário, onde minha criatividade destrutiva aflorou de uma forma que eu nunca imaginaria e junto com toda essa criatividade veio o fato que eu meio que sabia desenhar, mas achava que não sabia.

É confuso, eu sei, mas é que eu não praticava meu desenho, então meio que acabei perdendo o “dom”, mas com o Destrua este Diário a minha veia artística(?) meio que voltou. Deu para entender? Hahah

Enfim, o que quero dizer (ou escrever, whatever) é que descobri que a arte de desenhar é algo que sou apaixonada e eu precisava fazer algo que envolvesse uma das minhas duas paixões: desenhar e criar vídeos.

Eu tenho um canal no Youtube (na verdade são dois, mas isso é assunto para outro post) e nele eu posto coisas bem aleatórias: vídeos do projeto Document Your Life, uma série de vídeos sobre o Destrua este Diário e outras coisinhas.


Como o canal estava parado há sete meses – QUE VERGONHA! – resolvi fazer um vídeo pequeno e bobinho mostrando como é o meu processo na hora de desenhar.


Eu realmente gosto muito desse canal e espero que eu consiga criar conteúdo para ele, se alguém tiver sugestões é só deixar nos comentários.

Enfim, era isso que eu queria compartilhar com vocês, migos!


Beijos e até uma próxima!

21 de agosto de 2015

5 coisas que eu não gosto na blogosfera atual


Sempre tem aquela pessoa que solta o clássico “na minha época...”. Na maioria das vezes esse é um dos argumentos usados pelos nossos pais quando eles querem reforçar que na época deles tudo era mais difícil (é porque eles não sabem a barra que é saber que a pessoa visualizou sua mensagem no whats mas não respondeu).

Mas no post de hoje eu vou usar a frase “na minha época”, pois como é inevitável, as coisas mudam e muitas das vezes não é para melhor. Infelizmente, isso aconteceu na blogosfera e no texto de hoje eu vou contar 5 coisas que eu não gosto na blogosfera atual.

1. CTRL C + CTRL V
Tem momentos que acho que estou no mesmo blog e o que mudou foi o layout (em alguns casos até isso é igual) e o nome da blogueira. A criatividade não existe, então além de textos idênticos, muitas pessoas usam as mesmas fotos, dão os mesmo nomes para as colunas e acreditem: tem exatamente a mesma opinião sobre as coisas. Isso é muito feio, amiguinhos!

2. Tá, mas kd sua opinião?
Nada me irrita mais em uma pessoa do que falta de personalidade. Fico boladona quando vejo vários blogs onde as autoras não tem a mínima coragem de expressar suas opiniões, onde só sabem ficar em cima do muro para pagar de bonitas. PFVR!

3. Quem é você na fila do pão?
Já vi muita blogueira sub-celebridade ou pseudo famosinha achando que pode menosprezar outros blogueiros ou até mesmo seguidores. Ter uma quantidade legal de seguidores e de comentários não te faz a Beyonce, vamos dar uma segura, querida! Vamos ser menos e tratar todo mundo bem, pois isso é o mínimo que um ser humano pode fazer.

4. Fórmula mágica do sucesso
Se você não postar look do dia, ostentar o que você tem ou não mostrar o quanto você é rica e que sua vida é perfeita, seu blog não vai dar certo. Quer contar uma situação engraçada que aconteceu no seu dia ou postar aquela crônica que você escreveu em uma noite de insônia? Você não pode, pois blog de sucesso tem que seguir a fórmula das blogueiras que fazem sucesso. Sério que chegamos nesse ponto?

5. Ninguém quer ser migo!
Triste ver que muitas pessoas criam blogs para ser famosa, ganhar produtos de graça, ganhar dinheiro com publicidade e ponto. Eu criei todos os meus blogs, pois queria encontrar pessoas que gostassem das mesmas coisas que eu, que se identificasse de alguma forma com os meus textos, que a gente trocasse ideias e quem sabe virasse amigos. Hoje em dia isso parece meio impossível.


Admito que foi um pouco difícil achar 5 coisas que eu não gosto no atual mundo da blogosfera e olha que eu adoro falar mal asdfghjk 

Esse post faz parte da blogagem coletiva do grupo ROTAROOTS no facebook.

3 de agosto de 2015

5 séries que me decepcionaram


Que eu sou uma viciada em séries isso não é nenhuma novidade. Assisto tantas que nem sei como eu consigo tempo para viver. Tem dias que meu maior desejo é só assistir séries o dia inteiro, sério.

Segundo o Banco de Séries eu já finalizei 31 séries e, atualmente, acompanho 43 séries, sendo que só estou atualizada em 5. Sim, isso é uma loucura, amiguinhos. Não façam isso, pfvr! hahah

Mas qual o objetivo desse post? Mostrar o quanto eu sou a LOUCA das séries? Poderia, mas não é. O post de hoje eu vou listar as séries que mais me decepcionaram.

Sim, eu vou falar daquelas séries que eu pensava que iam ser minhas favoritas, que eu ia enlouquecer, mas no final das contas eu empurro com a barriga e um dia eu volto a assistir.

5. BATES MOTEL.
admito que vendo esse gi deu vontade de dar uma segunda chance pra série hihi
Expectativa: contar a adolescência do Norman vai ser a coisa mais genial do universo, essa série vai LACRAR!
Realidade: era melhor ter visto o filme do Pelé!

Não consigo passar da primeira temporada e ainda por cima dizem que a segunda é uma boxxxta! Não sei o que houve, mas bates motel simplesmente não funcionou comigo. Os primeiros episódios foram maravilhosos, mas algo aconteceu e eu não consigo assistir um episódio sem cochilar.

4. MODERN FAMILY
Expectativa: isso é genial, eu nunca vou me cansar dessa série!
Realidade: cansei.

Lembro quando a série foi lançada em 2009 e eu fiz uma maratona dos primeiros 10 episódios. Nunca ri tanto na minha vida, para mim Modern Family era uma das coisas mais incríveis do universo, mas ai chegou a segunda temporada, eu já não conseguia mais rir das piadas, cansei de vários personagens... É só de pensar que eles vão pra sétima temporada me da uma preguiça zzZZzz

3. THE BING BANG THEORY
Expectativa: Isso é o paraíso dos neeerds!
Realidade: se eu ouvir mais uma vez “bazinga” eu juro que mato!

TBBT chegou a ser minha série nerd favorita. Ria de absolutamente TUDO, achava o Sheldon o personagem mais incrível do universo, achava até a Penny com Leornard algo aceitável, mas as temporadas foram passando, eu via mais do mesmo, não ria tanto e para completar comecei a pegar raiva do Sheldon. Eu simplesmente cansei da série e acho que nunca mais vou voltar a assistir.

2. AMERICAN HORROR STORY
Expectativa: titio Ryan é um gênio! Vou me cagar todinha com essa série!
Realidade: titio Ryan, por quê?

Todos meio que sabem a reputação do titio Ryan: faz uma série foda, mas acaba se perdendo porque resolve fazer outras 838749837498 mil séries ao mesmo tempo. Isso tinha acontecido com Glee, mas eu realmente achava que com AHS ia ser diferente, pois cada temporada ia ser uma história diferente e bem...

A primeira temporada foi legal, a segunda foi SENSACIONAL (POR ONDE ANDAS LANA BANANA? BJOS, LANA BANANA!!), chegou a terceira temporada que foi bem ZzzzZ, mas teve seus momentos, ai até tudo bem, mas chegou o Freak Show, onde eu pensei que ia me cagar todinha e bem... Eu vi dois episódios e não consigo nem baixar o restante da série. Por que você faz isso com a gente, Ryan??

1. SUPERNATURAL

Expectativa: essa é minha série favorita de todos os tempo. Pfvr, nunca acabe!
Realidade: quando que vão cancelar isso, plmdds!!

Eu nem tenho muito que escrever. Só lembrem da quinta temporada, AQUILO SIM FOI UM FINAL LINDO. QUINTA TEMPORADA! Da sexta pra frente? Uma forma de ganhar dinheiro e estragar a linda jornada de Supernatural!

Menção honrosa: HIMYM.

A série foi linda, teve seus momentos de queda, mas sempre entregou episódios épicos, MAS AQUELE FINAL, VAI SE FERRAR, EU NUNCA VOU PERDOAR, NUUUUUUUNCA!

Lembrando, migos, que essa é minha opinião, então não fiquem muito revolts comigo. Obrigada!